OHSEHUNBRAZIL.com / Dedicated to Oh Sehun

 

Pergunta: Qual a sua memória mais antiga?

Sehun: Quando eu tinha 4 anos? Ou 5 anos? Eu lembro de brincar na vizinhança. Colocar 100won em uma máquina e atirar. Acho que era Snow Brothers? Eu era o melhor em King of Fighters. Nós tínhamos um sistema na vizinhança. Naquela época, 100won era muito dinheiro. Nós ficávamos em fileira com nosso dinheiro no bolso, que trabalhamos duro para ganhar. Quanto mais difícil, mais nós valorizamos e nos importamos. Eu penso que era dessa maneira quando criança.

 

Pergunta: Se você pudesse voltar no tempo, para que momento da sua vida você gostaria de voltar?

Sehun: Bebê. Quando eu nasci. Quando estava na barriga da minha mãe. Há muitas coisas que eu me arrependo e fico triste. Se eu pudesse voltar no tempo, eu gostaria de fazer as coisas melhores, deixar todos mais felizes. Mas eu também estou muito feliz agora. Eu não voltaria.

 

Pergunta: Quando você sente que virou um adulto?

Sehun: Eu sinto que me tornei um adulto que meus pais gostariam que eu virasse. Eu não posso contar em detalhes, mas penso que seja quando eu falo “Ah, eu realmente cresci muito”, quando eu e as pessoas que gosto nos entendemos. Quando eu consigo ajudar as pessoas e elas sentem a minha sinceridade.

 

Pergunta: Há algum momento que você tira dos ombros o peso das expectativas que as pessoas tem sobre você?

Sehun: Quando eu brinco por um momento. Mesmo que seja curto, eu gosto de relaxar e me divertir. Depois disso eu volto para a “realidade”. Assim como um parafuso que precisa ser solto antes de ser fixado, as pessoas são dessa maneira. Quando você se solta por um momento, você fica “Isso aí, vamos tentar uma vez!” e as coisas ficarão bem. Você não pode se cobrar mais ainda quando já está nervoso e cansado.

 

 

Pergunta: O que é mais importante para alcançar um objetivo?

Sehun: A resposta mais comum seria “Eu preciso trabalhar duro”, mas eu acredito que essa uma questão que possui espaço apenas para uma resposta óbvia. Trabalhar duro para alcançar seus sonhos e objetivos, ser extremamente honesto, eu penso que a resposta correta é fazer o seu melhor naquilo que você faz. Eu não penso que há de fato uma resposta correta de como você deve viver, mas acredito que essa seja a mais viável.

 

Pergunta: Quando se está fazendo algo, você pensa que o processo ou o produto final é o mais importante?

Sehun: O produto final. Mas o processo pode ser importante também. É claro que você precisa trabalhar muito, mas particularmente, não importa o quão bom seja o processo, o produto final deve ser bom quando mostrar para alguém. Para mim, eu tenho que me sentir satisfeito. Ainda que você se sinta confortável com um bom processo, mas eu sinto que quando o produto final não é bom, é algo muito lamentável e desagradável.

 

Pergunta: Do que você mais tem medo?

Sehun: Quando eu sou pego mentindo em situações que não há como fugir, pensando o que eu devo fazer, me afogando em ansiedade. Mesmo sendo uma mentira branca porque a confiança foi quebrada.

 

Pergunta: O que é mais importante quando você compreende e aceita os outros?

Sehun: Eu penso que ser honesto, não mentir é o mais importante. Você pode sentir isso, não? Que é artificial. Mas seja lá o que for, eu penso que as pessoas se conhecem para ganhar algo. A partir disso, eu penso que tirar vantagem sobre uma pessoa é ruim, mas usar ela é aceitável. Eu converso com meus hyungs sobre isso também. Eu penso que é correto ajudar os outros enquanto vivemos.

 

 

Pergunta: Qual a razão pela mudança de uma pessoa?

Sehun: Eu acho que o obstáculo e gatilho é diferente para cada pessoa, mas há também pessoas que não mudam. É claro que existirá uma mudança a medida que você cresce, mas eu penso que quanto mais você conhece uma pessoa, mais ela influenciará na sua mudança.

 

Pergunta: Essas mudanças são por fatores internos ou externos?

Sehun: Eu penso que você primeiro sente o externo e quando para para refletir eles se tornam internos. É como ganhar experiência quando se conhece pessoas como ponto de partida. Você aprende novas coisas, ganha experiência em áreas que não está acostumado. Você recebe muito influência quando conhece novas pessoas.

 

Pergunta: O que você acha que é da sua natureza e que não muda quando todos ao seu redor mudam?

Sehun: Eu penso que o modo que eu trato as pessoas é o mesmo. A atitude honesta e tomar conta das pessoas. Ainda que seja ruim quando pessoas muito próximas minhas mudam, eu não penso que a mudança como um todo seja ruim. É normal mudar e eu penso que você cresce mudando. Por exemplo, quando eu era trainee, eu era uma criancinha tímida. Agora eu estou em uma boa posição porque todos trabalharam duro. Continuar intimidado como no passado não faz sentido algum.

 

Pergunta: Você gosta de coisas óbvias ou equívocas?

Sehun: Eu gosto de coisas óbvias. Eu realmente odeio coisas que no final não são nada. Eu gosto de coisas que possuam validade. Algo que possa esclarecer para alguém sobre o por quê de ser assim. Eu sou dessa maneira quando estou em lugares públicos. Para lugares privados eu acho que equívocas? Eu sou uma muito liberal.

 

 

Pergunta: Você é o tipo de pessoa que acredita na chance ou que acredita no inevitável?

Sehun: Eu acho que ambos. Em relações humanas, eu penso que a coincidência vem de surpresa. Ela vem quando eu não estou pensando em nada. Eu não tenho certeza sobre o inevitável.

 

Pergunta: O que você acha que é mais valioso entre as coisas que não podem ser vistas?

Sehun: Emoções. Sentimento é o mais importante. Quando conhecemos uma pessoa, nós não falamos apenas através da linguagem. Também incluímos nossos sentimentos. Conseguimos perceber pelo olhar da outra pessoa, suas expressões mudam de acordo com seus sentimentos. Eu gostaria muito de ver um dia como são os nossos sentimentos. Eu penso que o ser humano é misterioso. Eu gostaria de tentar investigar sobre a verdade. Saber como as pessoas foram criadas.

 

Pergunta: Se apenas uma coisa pudesse viver para sempre no mundo, o que você gostaria que fosse?

Sehun: A humanidade. Eu sinto que se a humanidade existe, ela pode alcançar qualquer coisa. Eu penso que nós continuaremos a viver de alguma maneira. Mesmo que exista apenas pessoas, sem jogos ou fones de ouvido, ainda sim somos capazes de rir com histórias ao conversar.

 


 

SCAN: Your Breeze

Tradução em Inglês: avecSEHUN e 103oclock

Tradução e Adaptação em Português: Oh Sehun Brazil. NÃO retire sem os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *