OHSEHUNBRAZIL.com / Dedicated to Oh Sehun

 

Pergunta: Se você nascesse em uma família com nove filhos, qual deles você gostaria de ser?

Sehun: Eu gostaria de ser o mais velho. Eu quero tomar conta dos meus irmãos(as). Isso é como felicidade na minha vida agitada. Seria cansativo, é claro, então eu teria que ter um tempo para mim também. Mas eu sinto que a vida é mais interessante quando fazemos o que devemos e tomamos conta das pessoas que precisam de ajuda.

 

Pergunta: Se existisse uma pessoa idêntica a você, que tipo de pessoa você gostaria que ele fosse?

Sehun: É claro que ele deveria ser parecido comigo… Não… Não, eu espero que ele seja totalmente o oposto. Dessa maneira, nós podemos aprender um com o outro. O modo de pensar também será diferente. Seria interessante ver nossas reações diferentes para cada coisa. Eu gosto de tomar conta das pessoas, eu espero que ele possa ser alguém que se apoie em mim. Eu me sinto bem sendo alguém que as pessoas se apoiam e confiam. Eu acredito que quando você faz coisas boas, elas voltarão para você. Às vezes eu me pergunto se alguém se sentiria triste caso eu morresse…? Entre as pessoas que eu conheço, quem ficaria triste e com o coração partido? Eu penso nisso bastante.

 

Pergunta: Se um dia você se tornasse invisível e apenas uma pessoa no mundo pudesse te enxergar, quem você gostaria que fosse?

Sehun: A mulher que eu amo.

 

Pergunta: Qual o seu horário preferido do dia/noite e lugar?

Sehun: Eu gosto da madrugada. Especialmente uma ou duas da manhã. Quando a maioria das pessoas estão dormindo, esse horário é calmo e quieto, possui uma brisa refrescante. Eu acredito que a atmosfera desse horário combina comigo. Há questões na vida que você pensa e consegue entender nesse horário.

 

 

Pergunta: O que você pensa nesse horário?

Sehun: Pensamentos que todas as outras pessoas possuem. Preocupações e expectativas sobre o futuro. Quando você exige muito de você. Certo? Penso sobre questões da vida.

 

Pergunta: Você prefere lugares familiares ou desconhecidos?

Sehun: Eu prefiro desconhecido. Lugares familiares te deixam confortáveis, mas lugares desconhecidos te obrigam a se adaptar com o que há ao seu redor. Como aquela frase, “Quando em Roma, aja como os romanos”. O processo de adaptação quando visita um lugar desconhecido é interessante. Você conhecerá novas pessoas novas, novos lugares e certamente aprenderá muito com a experiência. É por esses motivos que prefiro o desconhecido.

 

Pergunta: Para onde você viajou pela primeira vez?

Sehun: Eu já viajei para muitos lugares, eu não consigo me lembrar da primeira vez que viajei. É claro que existe, mas eu não consigo lembrar.

 

Pergunta: Há alguma experiência que faz você pensar e mudar seu ponto de vista? Se sim, qual?

Sehun: Eu gosto de aprender e gosto de novas experiências também. Sempre que encontrar algo que eu possa fazer, eu tento. Eu divido minhas experiências com os outros, eu os ajudo. Quando alguém quer fazer algo e eu tenho experiência naquilo, eu divido com eles porque pode ajudar. Para poder compartilhar essas experiências com eles, eu gostaria de tentar tudo.

 

 

Pergunta: Se EXO fosse um filme, que tipo de filme seria? Qual seria o gênero da sua vida?

Sehun: Fantasia. Se fossemos nos gabar, EXO fez coisas que geralmente não são feitas e nós continuaremos a fazê-las no futuro. Cada membro é diferente. Em relação em gênero, certamente não seria comédia. Talvez fantasia e ação? Seria interessante ser o ator principal, mas eu gostaria que fosse o EXO inteiro. Para a minha vida, seria um filme com dificuldades, mas com um final feliz. Por que deve ser feliz? Nossos membros estão com muitas atividades ultimamente. Incluindo eu. Elas estão crescendo. Por causa desses dois pontos.

 

Pergunta: Suas viagens?

Sehun: Em questão de viagens, as pessoas geralmente planejam ela inteira antes, mas eu não sou assim. Eu gosto de viagens espontâneas. Eu nunca planejo elas. Eu não separo roupas ou faço reserva em hotéis. Eu apenas pego a minha carteira e viajo. Viajar com meus amigos é muito divertido. Eu não sei o que acontecerá no futuro, eu gosto de viajar com eles. Eu penso que esse tipo de relação dura muito tempo. Se há um lugar que possamos jogar baseball, eu jogo.

 

Pergunta: Você pode viajar bastante, mas onde você gostaria de morar?

Sehun: Eu quero que minha casa seja em Seul. O ar geralmente é poluído e há muitas pessoas morando em volta. Então em certos momentos, eu poderia ir para um lugar com pouco movimento e pegar um ar fresco. Seria muito bom.

 

 

Pergunta: O que é mais valioso para você?

Sehun: Não há nada em particular. Tudo para mim é valioso. Tudo é necessário. Não importa o que seja, sempre existe uma função… Tudo é valioso até certa medida. É difícil de explicar, mas eu geralmente penso que tudo é útil.

 

Pergunta: Você já pensou alguma vez que a sua vida é perfeita?

Sehun: O desejo do homem é infinito. Muitas vezes você não consegue pensar em nada, mas assim que começa a expandir suas atividades, você começa a encontrar coisas que gostaria de aprender mais e experimentar. Por causa disso, há muitas coisas que eu desejo realizar na vida ainda.

 

Pergunta: Em que momento você sente que o tempo é curto?

Sehun: Quando eu estou feliz. Quando eu viajo e me divirto com meus amigos, são nesses momentos que eu me sinto muito feliz. Isso faz com que eu consiga esquecer minha dor e estresse. Esses momentos são curtos. Quando eu estou fazendo algo que não gosto, eu posso apenas esperar para que acabe. É nesse momento que eu sinto que o tempo passa devagar. Eu acredito que o ser humano é muito interessante. Quando estamos felizes, queremos que esse momento dure até morrermos. Mas essa questão de não esperar pelas coisas, nós acabamos desejando fazer muito mais. Quando você encontra algo para fazer, é nesse momento que você se obriga a fazer algo. É quando eu sinto que o tempo passa rápido.

 

 

 

Pergunta: Se o dia ou a noite durasse 24 horas, você gostaria que fosse dia ou noite para sempre?

Sehun: Noite, principalmente madrugada. O ar durante a madrugada é refrescante. Mas deve existir o dia também. É por causa do dia que você consegue apreciar a noite.

 

Pergunta: Em que horário do dia ou da noite o céu fica mais bonito?

Sehun: Meia-noite. O céu fica muito bonito nesse horário, mesmo sendo escuro. Não dá para enxergar muitas estrelas em Seul, mas eu não ligo. Eu não preciso enxergar estrelas para me sentir contente.

 

Pergunta: Há coisas que ficam melhores com o tempo e há coisas que são melhores quando novas. O que você pode dizer sobre isso?

Sehun: Tudo que é novo para mim será como uma experiência. Eu aprenderei com elas. Os sentimentos que elas me trarão eventualmente se transformarão em memórias e vale a pena relembrá-las. Se eu tivesse que dar um exemplo, acredito que seria “relações”. Relação é a parte mais importante da minha vida. As pessoas começam a se conhecer quando passam muito tempo juntas, não? Esse processo de conhecer as pessoas é interessante. Novas pessoas também. Quando eu conheço as pessoas pela primeira vez eu também aprendo com elas, nós vamos nos influenciar. Tudo isso é muito interessante.

 

 

Pergunta: Qual a maior invenção do homem?

Sehun: Eu não posso escolher apenas uma. Todas as invenções são boas. Cada uma delas possui uma função. Todas elas são inventadas porque nós precisamos. É porque elas existem que nossas vidas se tornam mais confortáveis.

 

Pergunta: Se você pudesse tornar um sonho realidade, o que você gostaria que acontecesse?

Sehun: Eu gostaria que fosse algo muito emocionante. Grandioso. Não consigo pensar em alguma coisa em particular, mas eu gostaria que fosse emocionante. Algo que me fizesse pensar “Ah? Como que isso pode estar acontecendo?”, algo que eu não seria capaz de explicar. Esses momentos emocionantes viriam de alguém que você gosta, porque se você não gosta da pessoa, isso não é possível. Se você pensar em alguém que você gosta e em como essa pessoa te mudou ou fez algo que te deixou tocado, é nesse momento que você precisa de um plano emocionante. Sem conhecimento você não será capaz de emocionar ninguém.

 

Pergunta: Passado, presente e futuro. Qual deles você acredita ser o mais importante?

Sehun: Eu acredito que futuro seja o mais importante. A entrevista está acontecendo por 10 minutos, certo? E esses 10 minutos já passaram. Todos os momentos se tornam o “passado” e nós seguimos em frente para o “futuro”. O “presente”… É muito vago. Nós podemos dizer que esse momento é o “presente”? Se levarmos em conta esse aspecto, podemos dizer que o começo da entrevista é o “presente”… Mas se você pensar, os minutos e segundos estão passando, então eles se tornam o “passado”, não? O tempo é como água corrente. Então eu penso que o futuro é o mais importante. É o que eu penso.

 

Pergunta: Há algum momento em que uma pessoa influenciou a sua vida?

Sehun: Eu sinto isso todos os dias. Se eu encontro uma comida deliciosa, eu digo para a pessoa vir comigo novamente numa próxima vez. Se algo triste acontece, eles me procurarão imediatamente. Quando algo feliz acontece, nós compartilhamos um com o outro. As pessoas que estão perto de mim podem não ser as mais próximas. A importância dessas pessoas é ótima. Você não pode avaliar seu valor. Essas são as primeiras que eu penso, pessoas que eu não conseguiria deixar de lado.

 

 

Pergunta: Qual é a estrada da sua vida?

Sehun: Como eu posso explicar isso… Se está indo para a frente ou para trás, pra esquerda ou pra direita, se existe dois caminhos para seguir e um deles tiver obstáculos, eu escolherei ele. Essa estrada possui vantagens e desvantagens, o novo e o incomum. Mas você só irá entender completamente uma vez que enfrenta. Muitas pessoas escolhem a outra estrada, então já sabemos como ela é. Você pode escolhê-la mesmo se não tiver muita experiência. Mas não é assim com estradas com obstáculos. Você não saberá o que vai acontecer se não tentar… Esse caminho pode ser mais rápido, mais seguro e mais interessante. A desvantagem é que possui muitas voltas e se você não tiver cuidado, você poderá acabar voltando para o início dela. É nesse momento que você precisa da ajuda de outras pessoas para caminhar. Nessa estrada, vocês dependerão um do outro. Juntos, vocês poderão encarar todas as reviravoltas e dificuldades da vida. Talvez eu não tenha escolhido a estrada normal porque enfrentei o extraordinário por causa do EXO. Resumindo, eu quero experimentar mais coisas, aprender muito mais e me tornar alguém que possa ajudar os outros. Andar pela estrada em que possamos aprender um com o outro.

 


SCAN: Your Breeze

Tradução em Inglês por OSHXCIV e evevefan

Tradução e Adaptação em Português por Oh Sehun Brazil. NÃO retire sem os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *