OHSEHUNBRAZIL.com / Dedicated to Oh Sehun

Matéria da capa da Revista Madame Figaro

Escrito por Song Xingchen

 

Diferente da impressão forte que transmite pela sua aparência, Wu Shixun estava tímido e calado. Ele não é bom em fazer comentários bonitos e rebuscados e, de forma mais direta, ele não sabe contar histórias motivacionais para enrolar. O tempo todo, do seu jeito único, ele atenciosamente devolve o amor que recebe. 

 

 

“Um dia, todos terão direito a 15 minutos de fama.” Nessa era de estrelas em ascendente, as pessoas parecem acostumadas em assistir a famosa  “profecia” de Andy Warhol se concretizando*. Enquanto ídolos aparecem, a maioria das pessoas parecem confusas. O quê seria um ídolo? Como podemos defini-los?

 

 

Em países vizinhos, a competição para criação de estrelas existe há mais de 20 anos. Olheiros encontram artistas no meio de vastas multidões. Empresas gastam seus recursos oferecendo aulas e ensinando seus “trainees” a encontrar e conseguir oportunidades. Apenas aqueles que ficam no topo da pirâmide que finalmente entram no olhar do público. Antes de graduar do ensino médio, Wu Shixun pegou o trem expresso do EXO e tornaram-se um dos mais crescentes grupos na Coreia do Sul nos últimos 10 anos, quebrando um recorde atrás do outro. Antes de nos encontrarmos, estávamos realmente curiosos sobre como um ídolo se parece no berço da cultura de ídolo.

 

 

A consciência de ídolo

 

No dia mais frio no começo de dezembro, Shixun estava posando para a edição de março em um apartamento nos arredores de Seul. No começo da primavera e verão, um paletó fino é o que combina com a estação do mês da publicação da revista. Mesmo sendo uma sessão dentro de um ambiente fechado, a temperatura era tão baixa que durante a preparação os staff  brincavam: “Artista com manga curta e nós com sobretudo de frio”. Desde que estava no camarim, ShiXun brincava sobre o frio. Parado na frente da câmera, com pequenos movimentos rápidos para se esquentar e olhos emotivos. 

 

 

Esse episódio é, provavelmente, apenas uma pequena parte do seu trabalho diário, mas nos olhos de terceiros, o profissionalismo e controle na mudança de postura na frente da câmera supera a impressão que existe de idols. Não sabemos quando Shixun decidiu se tornar um idol, mas desde o dia do seu debut, suas palavras, ações, vida e trabalho tem sido expostas ao público sem restrições… A aura de um idol é como uma espada de duas lâminas e o lado ruim será deliberadamente maior se não demonstrar seu melhor lado ao público, sendo o impacto em todos aqueles que se preocupam com ele.

 

 

Você tem mais de 10 milhões de seguidores nas redes sociais. Há pessoas que prestam atenção em tudo que você faz. Você se sente pressionado?

“Ao invés de me sentir pressionado, eu gostaria de fazer bons trabalhos para retribuir o amor que recebo. Esse tipo de sentimento é mais forte porque recebendo a atenção e colhendo esse precioso amor dos fãs, me dá mais vontade de retribuí-los. De certa maneira, sinto que os fãs entenderão e me apoiarão naturalmente se eu fizer as coisas através dos meus próprios esforços e conscientemente.”

 

 

A experiência de ganhar o Prêmio de Popularidade em 2018 no Asian Artist Awards também foi mais categorizado por ShiXun como “o momento que fãs o fizeram se sentir mais emocionado” do que como uma “conquista”. No seu ponto de vista, como membro do grupo EXO, o amor dos fãs tem sido colhido desde o debut. Portanto, ele não hesitou ou se abalou em relação ao futuro e fez tudo com o coração para impressionar as pessoas e receber reconhecimento. Talvez o caminho que ShiXun teve como artista tenha sido mais tranquilo que muitos jovens que treinam por anos ou que tiveram uma caminhada difícil na carreira. Mas no olhar de terceiros, para um artista que já está em uma boa colocação na indústria, seria difícil de controlar seu comportamento perante o mundo externo. Mas para ShiXun, não teve um dia sequer que ele se descuidou. “Não é porque sou um artista, um cantor, que serei cuidadoso em certos aspectos apenas. Eu sou uma pessoa cuidadosa com todos os detalhes. Seja online ou na vida real, eu sempre presto atenção nas minhas palavras e ações. Por causa de todo carinho que recebo, já sou habituado a ser cauteloso o tempo todo.”

 

 

A essência de ídolo

 

EXO, grupo do Shixun, tem mantido uma ótima performance desde sua estréia. No final de 2019, o quinto álbum regular do grupo alcançou 1.100 milhões em pré-venda. (…) O apoio dos fãs do grupo e sua influência nacional continua alta. Com o crescimento das atividades pessoais dos integrantes, Wu ShiXun, como cantor, ator, compositor e modelo, também passou a ter reconhecimento e atingir pequenas conquistas.

 

Quando comenta sobre as conquistas que atingiu e se existe um caminho que deseja seguir no futuro, ele explica, “Nesse ponto da vida, tenho trabalhado como membro do EXO e também estou experimentando em diferentes segmentos de trabalho. No entanto, em relação ao caminho que tomarei no futuro, eu sempre focarei nas atividades em grupo até que as mesmas não sejam mais possíveis.”

 

 

Apesar da fama e fortuna que o trabalho lhe proporcionou, a visão do ShiXun sobre novas experiências é única. Quando falamos sobre o que ele tem aprendido recentemente, seus pensamentos imediatamente saltaram para uma cena de uma gravação que participou a pouco tempo. Estrelando no programa de variedades, “Busted”, Shixun se interessou por lógicas e deliberadamente começou a procurar por livros e estudar mais sobre raciocínio. Para ele, o trabalho é como uma porta que se abre para outros interesses e a linha tênue entre os dois se torna turva. Ele aprecia os pequenos aspectos que aparecem em um trabalho e também espera poder utilizar esse aprendizado do seu cotidiano em trabalhos futuros.

 

 

Aos olhos de ShiXun, esse deve ser o processo de maturidade da infância à vida adulta. Ele cresceu na Indústria de Entretenimento Coreana – que está sempre mudando, encarando as expectativas que as pessoas colocam nele e a relutância dele mesmo em aceitá-las. Quando comenta sobre seu debut, ShiXun sorri e diz que essa é a parte mais confusa de todas. Refletindo sobre a época de maneira racional, ShiXun pensa que se pudesse, teria se esforçado mais, que aprenderia mais línguas estrangeiras e que se tornaria uma pessoa mais completa. No entanto, seu lado emocional acredita que as pessoas vivem apenas uma vez. Que quando jovens, elas ainda possuem a oportunidade de viver confortavelmente e de forma livre. “Para atingir um objetivo, é necessário ajustar os sonhos e objetivos de maneira racional de acordo com cada situação. Viver em constante pressão não faz bem para o seu crescimento. Para os adolescentes, é melhor aproveitar a juventude, cuidar da sua saúde física e mental e seguir a direção certa. A coisa mais Importante é nunca fazer algo de forma utilitária e viver no presente. Viver cada dia bem e dando um passo por vez. Dessa maneira, os frutos naturalmente virão.”

 

 

O homem de 25 anos admite que está ficando velho e que, naturalmente, pensa mais do que antes. Depois de um período de juventude próspera, ele gradualmente começa a demonstrar preocupação e medo sobre o futuro. Sempre quando se depara com essas emoções negativas, ele se adapta para fazer algo que lhe faz feliz. “Meu desejo aos 25 anos é deixar de lado a inquietude, preocupação e arrependimentos e começar a fazer as coisas de acordo com meus próprios princípios e pensamentos.”

 

Quando se depara com preocupações e confusões, o apoio e amor daqueles a sua volta é a força que faz com que ShiXun continue seguindo em frente. Ele compreende o que precisa abandonar e o que precisa manter na vida. A retribuição para os fãs não é somente um sorriso na frente das câmeras, mas também o suor dos dias que passa ensaiando antes de uma performance. A compensação para os membros do EXO é o apoio que dá aos outros em suas atividades pessoais e o que vive dizendo como “Nossos membros…”. Quanto mais amor e carinho ele recebe, mais ele se torna grato e mais se torna consciente. Ele compreende que o amor é mútuo e que tudo que precisa aguentar e superar vem do amor.

 

Esse garoto, jovem, porém sábio, não é apenas um ídolo, mas um ícone da juventude.

 

 


*Nos anos 70, o artista Andy Warhol disse que “um dia, todos terão direito a 15 minutos de fama”, referindo-se ao conceito de “celebridade instantânea”.

 

Créditos

Fotografia | Shin Sunhye

Planejamento e modelagem | Laurine Song

Produção| Lee Meehyeon

Entrevista | Anny

Maquiagem | Hyun Yunsu

Cabelo/Penteado | Park Naejoo

Staff | 吴聃、裴荣、Charlie

Design | 赵琴

 

Tradução em Inglês: EraFryn_

Tradução e Revisão Chinês-Português: lnzj5862

Tradução e Adaptação em Português: Oh Sehun Brazil

Não retire sem os devidos créditos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *